Como deixar sua casa mais segura para seus pets

Por

Como deixar sua casa mais segura para seus pets

Quem tem cão e gato, sabe que nós os tratamos como se fossem da família. Aliás, eles os
são ! Não é mesmo ? E sendo assim, o normal é que tenhamos todos os cuidados possíveis
a fim de tornar o lugar onde vivemos o mais seguro e confortável para nossos bichinhos em casa mais segura para seus pets.

Dicas para prevenir acidentes com seus pets

  • Coloque grades ou telas de proteção– principalmente se você mora em apartamento, para
    evitar que seu animalzinho caia e se machuque;
  • Atente com as piscinas – se você possui piscina em casa, tenha muito cuidado,
    especialmente se você possui cachorro de raça de nariz achatado. Porque ele não
    sabe nadar e pode se afogar. É mito que todo cachorro sabe nadar. Saiba que Pug, Boxer, Bull Terrier, Bulldog Americano, Bulldog Inglês, Bulldog Francês, Dachshund, Basset Hound, American Staffordshire Terrier e Pequinês, compõe a lista. Caso seu pet seja de uma dessas raças, esteja sempre atento.
  • Tome cuidado com as plantas – pesquise muito bem antes de comprar plantas para pôr em casa, visto que algumas ( comigo-ninguém-pode, copo-de-leite, azaleias, espada-de-são-jorge e bico-de-papagaio ) são venenosas para nossos bichinhos, podendo lhes causar muito mal;
  • Organize tudo em seu devido lugar – evite deixar sacolas no chão, porque, na brincadeira, os animais podem se sufocar. Inclusive, não deixe objetos pequenos que podem ser engolidos e causar engasgos aos peludos.
  • Ao manobrar se veículo observe se seu pet não está por perto. Pode ocorrer também, situações em que gatos se abriguem em compartimentos do carro, como pro exemplo onde fica o motor ou as rodas. Além disso, cães e gatos costuma ficar embaixo dos carros, abrigados para tirar suas sonecas. Vale muito à pena fazer uma vistoria embaixo e em volta do veículo para evitar acidentes com seu pet. Dependendo da situação pode ocorrer um atropelamento. Toda atenção é pouca.

https://ocaminhodaspedras.com.br/prevenir/como-escolher-seu-bicho-de-estimacao-pensando-na-seguranca-da-sua-familia/

Para você que tem cão

Se você tem cachorro é importante saber que eles possuem muita energia e precisam gastá-la
de algum modo. Logo, eles cavam buracos na terra, fazem xixi em lugares inadequados, principalmente quando são bebês, mordem plantas e destroem algumas coisas, eventualmente. Sendo assim, é aconselhável que ele seja criado em um local adequado e livre de qualquer risco, para que seus pets consigam gastar considerável parte da energia de forma positiva.

Caso sua residência seja em apartamento, é importantíssimo que haja uma rotina diária de passeio para que o seu pet possa fazer suas necessidades, marcação de território e tudo o mais que sabemos que eles gostam de fazer. Fazendo isso, seu pet será um animal mais feliz. Além disso, você estará despreocupado para realizar outras atividades, sabendo que eles estão em segurança. E no decorrer, é só aproveitar a diversão com seus animaizinhos.

https://ocaminhodaspedras.com.br/prevenir/?s=pets

Para você que tem gato

Mas, se você possui gatos, já deve saber que eles são mais reservados, não são muito de brincar com os donos e não possuem tanta energia quanto “ o melhor amigo do homem ”. Por outro lado, eles gostam muito de pular em lugares altos, arranhar e se emaranhar em meio a fios e linhas. Daí a importância de deixar tudo em seu devido lugar, porque, além de manter seu bichinho seguro, ainda tem sua casa sempre arrumada. Caso sua residência seja um apartamento mantenha sempre uma caixa de areia sempre limpa para que ele faça suas necessidades.

Geralmente o gato é muito higiênico e sempre tá limpinho. Mantenha as unhas do seu bichano sempre aparadas pois caso haja outros animais ou crianças em casa, isso vai evitar possíveis arranhões. E olha, falo isso com propriedade, temos três fêmeas aqui em casa.

A importância de um profissional para seu pets

Mantenha sempre contato com um veterinário de confiança, e que, preferencialmente, atende 24 horas por dia. Assim, caso aconteça algum acidente com seu animalzinho, você terá alguém para lhe auxiliar de maneira eficiente e prática.
Pense que se ocorresse um incidente com seu bebê, você correria para o médico, não é mesmo? Portanto, deve fazer o mesmo com seu pet.


Como falado inicialmente, só quem tem um bichinho sabe o quanto é amado e querido, sempre cuidando para que ele esteja no lugar mais seguro possível.
Para tal, siga essas dicas e as adapte a sua realidade, ao tipo de imóvel em que vive, se é casa ou apartamento, se possui pátios, sacadas, piscina e outras áreas de lazer que podem possuir objetos perigosos aos nossos peludinhos.

https://ocaminhodaspedras.com.br/prevenir/saiba-o-que-fazer-se-seu-filho-levou-uma-mordida-de-um-animal-na-rua/

Algumas dicas para a manutenção da casa do seu peludinho

  • Limpe sempre a casa de seu pet com produtos de limpeza adequados e que não lhe causem alergia;
  • Lave regularmente os utensílios que seu pet usa para brincar e colocar na boca. Por meio deste hábito, você não permite que bactérias e vírus se proliferem e acabem deixando seu bichinho doente;
  • Tenha um local certo para ensinar seu pet a fazer as necessidades e o mantenha sempre limpo, utilizando produtos desinfetantes que realmente higienizem o lugar e tirem o cheiro ruim, a fim de oportunizar um ambiente mais agradável para o seu animal e para todos que convivem na casa;
  • Ainda sobre o local de seu bichinho fazer suas necessidades, mantenha sempre longe de onde ficam os pratinhos de comida dele. Pois, os animais não gostam de comer perto de onde fazem xixi. É fácil de entender, né?
  • Se você mora em apartamento, tente acostumar o seu pet com horários regulares para sair e realizar o “número 2”, assim, você evita ma u cheiro e ainda caminha com seu bichinho;
  • Tente sair regularmente com seu pet, preferencialmente se tiver um cachorro, é necessário mais de uma vez ao dia. Deste modo, seu amiguinho gasta energia e não desconta em seus móveis.

Conclusão

Pode ser trabalhoso, ainda mais se você não está acostumado com a presença de um bichinho sempre ao seu lado. Entretanto, vale o esforço!
Cada vez mais comum pessoas optarem por um bicho de estimação para lhe fazer companhia, dar e receber afeto e atenção. Com o crescente aumento de pessoas morando sozinhas, é facilmente perceptível a busca por animais, cujos cuidados sejam mais simples no dia a dia, ou que ocupem pouco espaço.
Logo, cuide constantemente de seus pets e faça de tudo para evitar que acidentes aconteçam com eles.

Vale muito a pena ver este artigo para complementar a informações apresentadas acima.

https://canaldopet.ig.com.br/curiosidades/racas/2017-10-23/racas-de-cachorro-nadar.html

Se você achou as informações deste artigo úteis e que vai te ajudar e a quem também tem muito amor pelo seu pet, compartilhe para fazer estas informações muito importantes ajudar mais pessoas.

Deixe um comentário