Como evitar acidentes domésticos no banheiro

Por

Como evitar acidentes domésticos no banheiro

Quem já escorregou no banheiro e bateu com o bumbum no chão, sabe bem a dor imensa que é, incluindo o pensamento incessante de que poderia ter sofrido uma fratura. Eu, particularmente, como quase todo mundo, alguma vez já tomei vários sustos, na maioria das vezes por descuidos.

Logo, arrisco dizer que, o banheiro é um dos cômodos mais perigosos e com maior probabilidade de acontecer algum tipo de acidente doméstico: do mais leve ao mais grave.
Devido a isso, eu resolvi lhe trazer este artigo, para que juntos e com simples atitudes, consigamos evitar os acidentes domésticos no banheiro.

As possibilidades de ocorrerem acidentes domésticos nos banheiros é bastante grande. Em seguida veremos algumas dicas muito, muito importantes. Veja:

  • Não permita que crianças brinquem no banheiro, princialmente próximo ao espelho e vidro do box se for o caso;
  • Coloque trava no vaso sanitário para evitar que crianças pequenas se afoguem ou tenham contato com a água do mesmo;
  • mantenha fora do alcance dos pequenos, produtos de higiene e limpeza para evitar ingestão evitando com isso, intoxicações;
  • Mantenha também, fora do alcance das crianças todo tipo de medicamento;

Piso molhado

  • Citada como a principal causa de escorregões e quedas, o piso molhado e escorregadio é um verdadeiro vilão. Caso seu banheiro frequentemente está úmido, eu aconselho que instale faixas antiderrapantes pelo chão, pois elas ajudarão, imensamente a evitar as possíveis quedas e deslizes. Caso em algum momento futuro esteja pensando em substituir o piso cerâmico, opt por um piso anti derrapante.
  • O banheiro é um ambiente onde o cuidado deve ser redobrado, se na sua casa, moram idosos ou crianças pequenas, sabemos que eles são os frágeis e não possuem o mesmo equilíbrio de uma pessoa saudável com 30 anos de idade, portanto, o ambiente deve estar seguro para eles;
  • Uma dica importantíssima caso seu banheiro costume estar úmido, é deixar sempre, no banheiro, um rodo com pano seco para se enxugar o chão, a fim de evitar a umidade do local e ter no mínio uma cortina plastica para evitar que a água do chuveiro, respingue no piso.

Veja mais artigos que podem te ajudar:

Jamais suba no vaso sanitário

  • Por mais simplório que pareça esse comentário, acredite, há relatados de acidentes que aconteceram por conta de alguém ter subido no vaso sanitário e o mesmo quebrou. E é importante que você saiba que os acidentes deste tipo são gravíssimos.
  • Caso precise pegar algo em armários, busque sempre por escadas, preferencialmente com os pés emborrachados. Fazendo isso, você não corre o risco de deslizar e cair;
  • O vaso sanitário, por mais que não pareça, é frágil, quando se trata de suportar o peso de uma pessoa em pé sobre ele. Portanto, busque outras alternativas, caso precise alcançar algo em local elevado, mas sempre com segurança. Deixe o vaso sanitário somente para as necessidades.

Barras de segurança

  • As barras de segurança são ótimas auxiliares para apoio e equilíbrio de qualquer pessoa, principalmente pessoas idosas e portadoras de necessidades especiais. Já está mais que comprovado que, em caso de escorregão, você conseguirá se apoiar nelas e evitar que o tombo seja grande, ou mesmo até impedir uma queda;
  • Caso você tenha cadeirantes em casa, elas são essenciais, pois darão maior independência para eles, nesse caso. Inclusive, os idosos e as crianças pequenas também serão beneficiadas;
  • Vale ressaltar que, as barras são acessórios excelentes para todos da família: do mais jovem ao mais velho. Principalmente na hora do banho que é quando o piso pode ficar mais liso por causa do sabonete, cremes e os shampoos.

https://ocaminhodaspedras.com.br/prevenir/como-adaptar-o-banheiro-para-idosos-e-evitar-acidentes/

Banheiras

Jamais deixe um bebê ou mesmo crianças maiores que já tenham uma certa autonomia sozinhas na banheira. O risco de afogamento é enorme e basta um pequeno descuido para que o pior aconteça. Há também o risco de escorregão e queda até bater a cabeça no azulejo, quinas, na própria banheira ou louça sanitária.

Não esquecer também de atentar para a temperatura da água, para com isso evitar queimaduras. Para misturar a água com segurança, para as banheiras com misturadores, sempre inicie com a água fria e depois a água quente, atentando para que fique na temperatura ideal que é próxima da nossa temperatura corporal, ou seja, 36º/37,0º, principalmente se quem for tomar banho seja uma criança pequena. Se o banho for em crianças pequenas, jamais a deixe sozinha enquanto busca algo que tenha faltado. Crianças e idosos são os que mais estão sujeitos a sofrerem acidentes nesse ambiente. Por isso, cuidados redobrados devem ser adotados.

Outra dica importantíssima, é colocar tapetes anti derrapantes na banheira caso a água do chuveiro caia dentro dela. O mesmo vale para o box do banheiro caso o piso não seja do tipo anti derrapante.

Escovas de dentes

  • Mantenha sempre suas escovas guardadas, não as deixe em cima da pia, jamais perto do vaso sanitário. Visto que, pesquisas já comprovaram que escovas deixadas sem proteção, na pia do banheiro, carregam consigo milhares de bactérias fecais. Que nojento! Daí a importância de investir em um armário de banheiro com porta, para deixá-las bem limpinhas e guardadas;
  • Sempre as higienize com água e um pouco de flúor bucal, pois este irá ajudar a remover todos os fungos e bactérias que podem ter se instalado nelas;
  • A higiene das escovas de dentes, por mais que não pareça, é alta relevância quando o assunto é saúde. Afinal, elas são objetos imprescindíveis à nossa saúde, e com a qual estamos em contato direto, todos os dias.

Chuveiro elétrico

  • Procure por profissionais especializados, caso necessite de uma instalação ou conserto de um chuveiro elétrico, porque, com isso, evitará possíveis incômodos e acidentes;
  • Não deixe fios expostos e invista em um chuveiro de boa qualidade e marca conhecida e que tenha selo do INMETRO, com isso a possibilidade de ter problemas de funcionamento e seguranças será bem menor. É importante destacar que, a economia que você terá na hora da compra de um produto de qualidade duvidosa, poderá lhe causar prejuízos futuros;
  • Quando for usar o chuveiro, no inverno, não o deixe com pouco fluxo de água saindo para ter água mais quente. Além da temperatura da água ser prejudicial para sua pele, poderá também causar queimaduras e os riscos de queimar a resistência são muito grandes.

https://ocaminhodaspedras.com.br/prevenir/choques-eletricos-como-evitar-e-o-que-fazer/

Box do banheiro

Se for preciso instalar um box em sua residência, escolher um que seja de boa qualidade. Para sua tranquilidade procure por boas lojas do ramo ou consulte um profissional especializado para maiores orientações. Uma escolha incorreta pode provocar a qualquer momento, acidentes com sérias lesões principalmente às crianças e aos idosos. Importante ter sempre em mente que se o assunto é sua segurança e da sua família, a economia não deve ser prioridade e sim, a segurança de todos. Quando o assunto é segurança, o barato pode sair muito caro.  

Caso já possua um, também deverá ver quais cuidados que você precisa ter para evitar acidentes com o box.

Atualmente a grande maioria dos boxes comercializados no Brasil, são de vidro temperado, que é um tipo de vidro reforçado com um filme que faz com que ao quebrar, ele fique em pequenos pedaços, que embora não ofereçam riscos maiores, podem mesmo assim ser cortantes ou possam atingir os olhos de uma criança por exemplo.

Há também, a possibilidade de pisarem nestes fragmentos, que podem causar cortes ou deixar o piso escorregadio.

A quebra pode acontecer espontaneamente devido a uma falha na fabricação do vidro, porém bastante mais comumente, quebram devido a pequenos impactos ou falta de manutenção.

Nos vidros temperados, a superfície é fortalecida, porém as bordas nem tanto. Um impacto mais forte ao movimentar o box pode provocar sua quebra por completo.

Idosos que caem no banheiro porque superfícies escorregadias

Uma boa opção é a aplicação de um filme de segurança nos 2 lados do box, os quais mantem os fragmentos contido entre as duas películas. Estas películas devem ser avaliadas e se necessário, trocadas periodicamente.

Uma outra opção que já existe no Brasil é o box de vidro laminado. Muito robusto e muito seguro, é composto por 2 vidros comuns unidos por PVB. Explicando:

Vidros laminados com PVB, é algo como um “Sanduíche” de vidros, onde duas ou mais placas de vidro, são unidas por camadas intermediárias de polivinil butiral (PVB). Não entremos em detalhes técnicos. Cumpre basicamente o mesmo papel do filme de segurança no box de vidro temperado que no momento da quebra, permanece no lugar. Este tipo de material é o mesmo empregado em para brisas de carros e guarda-corpos de prédios e sacadas por exemplo.

Dicas para evitar acidentes com o box

  • Analise bem que tipo de abertura  e espessura do vidro são mais recomendados para as características e medidas do seu banheiro;
  • Para maior segurança, opte pelo box em vidro laminado ou então utilize o filme de segurança no caso de escolher vidro temperado;
  • Ao limpar seu box, use produtos composição neutra e use somente esponjas macias. Evite produtos químicos ou abrasivos para a higienização dos vidros e partes metálicas do seu box.
  • Periodicamente, faça uma inspeção ou contrate um bom profissional para verificar possíveis defeitos aparentes ou não aparentes em seu box, a fim de identificar possíveis travamentos e outros problemas que possam causar a sua  quebra.
  • Oriente seu filhos para que não corram ou brinquem na hora do banho ou perto do box. Pode haver um impacto contra o mesmo. Além do mais, uma queda no banheiros, pode ser bastante traumática.

Instalações elétricas

Esteja sempre atento às condições das instalações elétricas no banheiro. Por um local onde há muita umidade, esta condição pode agravar eventuais situações de choque elétrico ou curto-cirquito. Observe se há pontos escurecidos ou com alteração de cor nos interruptores e tomadas. Isso pode indicar aquecimento anormal e requer atenção.

Veja também se não há tomadas e interruptores sem a plaquinha de proteção ou se não há fios soltos ou desencapados, principalmente se na residência há crianças pequenas. Um choque elétrico pode causar queimaduras graves ou mesmo, causar óbito.

Finalizando

Nosso lar é, e sempre deverá ser nosso refúgio e cabe a nós, diariamente zelar para que este refúgio seja confortável e seguro para todos.

Caso tenha gostado deste conteúdo, e tenha sido útil para você de alguma maneira, não deixe de compartilhar com amigos, família e vizinhos, pois você pode estar ajudando a salvar vidas.

Aproveite e compartilhem.

Deixe um comentário